(941) 412-5414 info@hothouseoftruth.com

LONGEVIDADE


O que gerou essa mensagem em mim é o fato de que muitas pessoas começam a fazer algo que Deus disse a elas para fazerem, mas no meio do processo, elas não prosseguem e param de fazer. O processo que uma pessoa passa pode não ser visto, mas o fruto dele será visto. É o fruto que fala. A perseverança de sua fé tem tudo a ver com sua paciência durante o processo.

Tiago 1:1-8 nos diz que o teste de nossa fé produz paciência! Muitos não produzem frutos em suas vidas, família, ministério porque não permanecem firmes. Eles continuam sendo jogados de um lado para o outro e não permanecem firmes no que o Senhor falou e disse-lhes para fazer. 1 Coríntios 15:58, nos diz para abundar nas obras do Senhor que Ele falou em nossos corações. Isso é longanimidade: apegar-se à visão. Nosso trabalho pode ser em vão se for feito fora de Deus. Nossas obras devem ser feitas porque o Senhor nos disse para fazê-lo. Estas obras não serão em vão!

A Bíblia nos diz para sermos como as árvores plantadas à beira do rio. Isso produzirá frutos em sua estação. Esse rio é particularmente importante. Algumas árvores parecem não ter frutos porque não é época de produzi-los. Não estou falando apenas sobre os frutos espirituais - mas sobre os frutos de fazer parte do reino de Deus, frutos de uma visão profética, frutos da longevidade, frutos dos nossos chamados, frutos de tudo o que é espiritual em nossas vidas.

Longevidade é longanimidade – persistência - significa continuar fazendo o que Deus nos disse. Bem-aventurado o homem que vive pela Palavra de Deus. Salmos 1 nos diz que nós, que permanecemos na Palavra de Deus, seremos uma árvore plantada junto a ribeiros de água que dá seus frutos em sua estação; sua folha também não murchará, e tudo o que eles fizerem prosperará.

Mas devemos permanecer na Palavra de Deus! Devemos permanecer enraizados e alicerçados em Cristo. Se o favor não vier de Deus, ele nunca durará. Se fizermos da carne nosso braço, nossa fonte, nós não seremos abençoados. Jeremias 17:5-8, diz que bem-aventurado o homem cuja esperança e confiança estão no Senhor. Muitos são plantados em local seco, confiando no homem para regá-los, mas se o homem não o fizer, você morrerá! Deus usa o homem, mas nossa confiança está em Deus, não no homem. Deus é quem dá o crescimento.

Deus é quem dá longevidade a essa semente. Mas você deve ser plantado e deve permanecer naquele lugar no Senhor, e não ser removido de lá. Algumas pessoas são como este pequeno vaso, as raízes estão presas lá dentro. Eles ficam presos porque ainda estão em um vaso e nunca se tornaram uma árvore. Eles não permitem que Deus os implante. A Bíblia fala sobre o plantio do Senhor - devemos ser como uma árvore. Quando você pensa em uma árvore, pense nas raízes profundas que sempre bebem do rio. Na religião, muitos são como pequenos vasos de plantas dependendo do homem para regá-los, mas na igreja espiritual, todos eles estão conectados pelas raízes ao rio da vida. Muitos são como esses potinhos, tentando produzir seus próprios frutos sem se apoiar na Palavra de Deus. Longevidade com longo sofrimento: é assim que as coisas eternas acontecem em nossas vidas. Longevidade com longanimidade significa caminhar juntos, continuar, esperar ... Em 1 Pedro 3:20, fala sobre a longevidade de Deus que teve que esperar nos dias de Noé para a preparação da arca. Isso levou 120 anos para cumprir a visão. Quantos têm esse tipo de longanimidade? Vejo que, com tudo o que está acontecendo ao nosso redor, Deus também está sofrendo, esperando enquanto Ele edifica Sua igreja onde as portas do inferno não prevalecerão.

A longanimidade é um fruto especialmente importante. Precisamos lembrar de que a semente passa por um processo antes de seu fruto se tornar comestível, visível e maduro. Mas os frutos do ministério e da vida do reino também levam tempo. Quando as coisas ficam difíceis, os enraizados, os valentes, continuam na Palavra que Deus lhes deu, não no que eles veem! O fruto é a prova do que Deus falou para eles. O fruto expõe as raízes nas quais você está enraizado. Não podemos ver as raízes, mas podemos ver a árvore. Os frutos dessa semente - a Palavra - são sobre os quais estamos falando.

Noé, Davi, José, Abraão: todos eles tiveram que aprender a ter longanimidade. Olhe para todos os Ismaels ao nosso redor. Fazer coisas na carne nunca produzirá frutos espirituais. O reino de Deus não é por observação, mas os frutos dele confirmam o chamado e a unção! Abraão tentou produzir um fruto da palavra dada por Deus e o resultado foi um fruto falsificado, uma falsificação da promessa. Ele poderia ter enganado outros, mas ele sabia, Sara sabia, e Deus sabia, e Deus não estava satisfeito. Vemos isso também. Não é bom tentarmos ajudar Deus. Ele vê isso como rebelião e desobediência. Isaque foi o fruto da palavra que Deus deu a Abraão, não Ismael. Um nasceu da carne e o outro do Espírito. Isaque foi a semente que foi produzida na carne para cumprir na carne a promessa de Deus. Então, no Novo Testamento, Deus diz que a Palavra é essa semente.

A parábola do semeador em Mateus 13 nos mostra que algumas sementes caíram em boa terra, mas outras caíram no meio da opinião do homem, pelos seus caminhos e elas morreram. Devemos ser plantados em Sua Palavra, naquilo que Ele disse. Os frutos falarão em sua estação. Devemos esperar no Senhor. O fruto fala sem nenhuma palavra. O fruto silenciará as pessoas sem nenhuma palavra. Deixe seu fruto falar e que você seja sempre tardio para se explicar.

Lágrimas, dúvidas, falta de longevidade, falta de longanimidade o desanimarão. Aqueles que têm fé irão perseverar até que seus frutos sejam vistos e se manifestem. Os filhos do reino são a boa semente! Devemos ser plantados por Sua água viva, Seu rio. Longevidade significa que você continua obedecendo à Palavra de Deus sem parar, durante cada época da sua vida.

Paulo era um assassino em um dia e se tornou um santo no outro. É por isso que ele teve que confiar em seus frutos ou não haveria credibilidade em sua vida ou ministério. Paulo produziu e reproduziu o que foi produzido nele, fez isso em outras pessoas. Não foi por causa de sua vocação, ou porque Deus o escolheu, mas porque seu fruto se manifestou em sua vida e muitos o viram. Os frutos provaram que ele passou de pecador a santo, de homem religioso cego a apóstolo de Jesus Cristo, de homem de quem os cristãos correram a um homem para quem os cristãos correram. Foram seus frutos que ajudou as pessoas a confiar e seguir Paulo. Os frutos dos sinais e maravilhas estavam seguindo Paulo. Aqueles que têm fé perseverarão até que seu fruto da semente da palavra se manifeste.

O que Paulo disse ser a prova de sua chamada apostólica? Era que as pessoas eram salvas, levantadas, e as igrejas estavam sendo estabelecidas. Vanglorie-se de suas fraquezas, não se vanglorie de seu título. Assim como Jesus, Paulo se tornou o primeiro entre muitos. Há uma confiança dada a Paulo, não por causa de seu título, mas por causa de seus frutos. Assim como um médico, você pode ter a licença, mas pode não ter a prática. Um doutor pode ter a licença e o chamado! Pode ter as credenciais, mas se não tiver pacientes e se não tiver um consultório e todas as coisas que o acompanham, tudo o que ele tem é apenas um título. Muitos cristãos têm uma sacola de ferramentas comprado durante uma escola ministerial, mas como podemos confiar neles? Os frutos são especialmente importantes para que o Corpo possa ver.

Esse “doutor” não tem fruto! Mas adora ser chamado de médico, porque isso o faz sentir que seu nível é superior e o torna importante. Então, por que ele se tornou um médico? Para curar e ajudar as pessoas ou para ele ter um título? O orgulho da vida - nós temos essa atitude na igreja. Esse título não significa nada para Deus. Mesmo que um médico use uma bata branca, alguns com discernimento espiritual diriam que ele é um palhaço. Porque os frutos falam. A longevidade produz os frutos da credibilidade. Não desista. Cumpri-as. Execute a corrida apontada a sua frente.  

Quando Jesus foi para a cruz, aquele fruto provou que Ele certamente era o Filho de Deus. A multiplicação do pão foi um fruto importante para todos os homens verem Mateus 16:5-17. Quando Jesus começou a falar, para curar as pessoas, os frutos começaram a se manifestar.

Muitos são escolhidos porque têm longevidade em obedecer. Eles têm longanimidade em agir. Eles têm longevidade em seguir. Não pare. “Quero que vejam por si mesmos que pelos meus frutos fui enviado por Deus.” Esse é o coração de Jesus. Os frutos sempre falam. Jesus escondeu quem Ele era por algum tempo. Ele teve frutos se manifestando - muitos sinais e maravilhas - mas Jesus repreendeu os discípulos porque eles estavam preocupados por não ter pão. Jesus disse: “Você não se lembra de como eu alimentei 5.000? Como você pode duvidar? Eu disse quem eu era.” Depois que foram para a praia, Ele perguntou quem os outros pensavam que Ele era. “Alguns disseram que Ele era Elias, Jeremias ou um dos profetas”, eles responderam. Então, Ele se voltou para aqueles que O conheciam bem e perguntou: "Quem vocês dizem que Eu sou?" Pedro respondeu: "Você é o Cristo." Como ele foi capaz de responder a essa pergunta? Jesus nunca disse isso a Pedro. Os frutos de Cristo estavam se manifestando em Jesus. Vou deixar o resto para você meditar.

"Quem você diz que eu sou?" Deixe que os frutos em sua vida respondam a essa pergunta. A opinião do homem é inútil e não está acima da opinião de Deus. As pessoas estão dizendo isso e aquilo sobre você, mas você deve permanecer naquela Palavra que Ele te deu e não pode se mover. As pessoas diziam muitas coisas sobre Jesus, porque viam as coisas que Ele estava fazendo. Eles viram os frutos.

Aqueles que perseverarem até o fim, terão frutos e os frutos permanecerão. Os frutos de Cristo. Os frutos da reconciliação do homem com Deus! “Pai, oramos por longevidade. Pai, regamos nossas vidas com a Palavra de sua boca, diariamente. Pai, todas as sementes que ainda não produziram frutos produzirão com certeza. Você nos deu a Palavra e há frutos em nossas vidas. Os frutos em nossas vidas fecharão a boca do mentiroso, do devorador. Somos fecundos e vamos nos multiplicar. Nós ativamos o dom da longanimidade no meio do Seu povo. Somos árvores plantadas à beira do rio. Pai nos ajude a sofrer por Sua causa pelo tempo que for necessário. De a nós longanimidade! Longanimidade no esperar e no obedecer. Essa é a longevidade que queremos! 

Por- Shane W Roessiger

MENSAGEM COMPLETA: https://www.youtube.com/watch?v=fONkLPuggXU

MENSAGEM EM INGLÊS: https://www.facebook.com/shane.roessiger/posts/10219004736768737

BAIXE LIVROS GRÁTIS: https://www.hothouseoftruth.com/free-book-download/

 


Comments (0)


Add a Comment





Allowed tags: <b><i><br>Add a new comment: