(941) 412-5414 info@hothouseoftruth.com

FRUTO


Deus fala sobre muitos tipos de frutos na Bíblia. Nós sempre fomos instruídos ou levados a pensar apenas nos frutos do Espírito, em Gálatas 5:22-23. Mas existem muitos outros tipos de frutos que são produzidos naturalmente quando nós estamos conectados a Jesus - a videira. Se todos somos chamados a julgar os frutos e a reconhecê-los, então, primeiro nós devemos conhecê-Lo. Nós devemos conhecer a Palavra, devemos saber o que é um bom fruto. O caráter de cada um está em um nível diferente, então, o que Ele está nos dizendo para fazer? Julgar com retidão.

Todos nós devemos julgar os frutos. Mas não cabe a nós julgarmos a personalidade de alguém,  mas sim, o seu nível de retidão. Não use a crítica como uma ferramenta para julgamento, também não use o comando dado em I Coríntios 2:15 (para julgar todas as coisas) para o seu próprio bem. Se você vai julgar, é melhor faze-lo em humildade e mansidão.

Em Mateus 7:2, diz que nosso julgamento deve ser em retidão. Devemos julgar os frutos corretamente. Devemos julgar a justiça. Eles estão defendendo Jesus ou a si mesmos? Eles estão representando o que Ele está representando? O que você reúne ao seu redor? As pessoas do mundo se reúnem em torno das pessoas do mundo. Se alguém vive com uma ninhada de víboras, provavelmente esse alguém também é uma víbora. Todos os pássaros com penas voam juntos.

Ainda que as obras sejam maravilhosas, isso não significa que elas nasceram de uma boa árvore. As pessoas julgam os outros por suas obras. Mas Jesus disse: “Muitos naquele dia dirão Senhor, Senhor ... Realizamos maravilhosas obras em Seu nome ...” Obras não significam retidão, mesmo que elas sejam feitas no nome Dele. Precisamos ter obras de retidão, com tudo, ainda assim nossas obras não nos tornam justos, Ele o faz. Eu conheço algumas pessoas que são mais gentis do que muitos cristãos, mas seus frutos não os tornam automaticamente cristãos ou justos. Então por causa desta gentileza devo agora dizer que eles são cristãos? Ainda que, com essa gentileza, eles podem ser considerados por Deus como obreiros da iniquidade. Os frutos da justiça são os frutos aos quais devemos prestar mais atenção! Esses são os frutos que Ele deseja que nós possamos discernir. Por exemplo, devemos rejeitar todos os tipos de argumentos. Conheço muitos cristãos que tudo o que eles querem fazer é discutir. Algumas pessoas nem conhecem a Deus e, no entanto, tentam “pregar” aos outros sobre Deus - Isso não vai funcionar. Por que estou dizendo isso? Porque eu estou discernindo os frutos. Há algo nítido sobre pessoas justas. Elas odeiam a iniquidade. Elas odeiam o que Jesus odeia, é algo automático. Isso é o fruto da justiça dentro deles.

Quais são os frutos com os quais Deus realmente se preocupa? Existem todos os tipos de frutos, mas algumas pessoas apenas se concentram em atributos pessoais, em vez de se concentrar nos frutos. Então dizem: Ele é gentil? Ele é manso? Ele é um cara legal? Porém, os frutos com os quais Deus se importa são aqueles que são produzidos a partir de Sua videira, não tem nada a ver com atributos pessoais. Caráter ou carisma não significam automaticamente frutos da justiça. Vamos falar sobre os frutos da justiça. Nós precisamos produzir frutos porque somos como uma árvore plantada as margens dos rios de águas vivas. Somos carvalhos de justiça! Então, qual é o fruto que deveria estar saindo de nós? Justiça.

Você é perfeito na carne? Ninguém é. Mas as pessoas religiosas querem julgar as falhas e imperfeições das outras pessoas. Mas, e se você estiver no forno do oleiro por doze anos quando seu irmão (cheio de falhas aos seus olhos) está lá apenas por dois anos? A Palavra nos diz para não medirmos ou compararmos nós mesmos entre nós mesmos. (ll Coríntios 10:12). Isto não é sábio. Nosso alvo é Cristo! 

Vamos agora falar sobre os frutos do arrependimento. Leia Mateus 3:8-10. Nós devemos produzir frutos de arrependimento! Isso significa que o arrependimento deve se parecer com algo. Precisamos ver esses frutos. João Batista chamou as pessoas de geração de víboras. João Batista estava julgando os frutos dos fariseus. “Estou olhando para você e não vejo frutos de arrependimento. Estou olhando para você e você está cheio de frutos da justiça própria.” O que te faz justo é o fruto que você produz! As pessoas hipócritas não têm o fruto do arrependimento.

O machado é posto a raiz das árvores ruins. Por quê? Porque Deus está esperando frutos da justiça. Quais são os bons frutos? Os frutos da justiça e os frutos do arrependimento. Que sinal maravilhoso quando sentimos em nosso espírito que a outra pessoa tem o mesmo espírito: estamos todos conectados à mesma videira, o mesmo lavrador. Então qual era o problema dos fariseus? Com certeza, não era apenas o caráter deles, mas o que havia dentro deles, seus corações. Os fariseus estavam considerando sua própria justiça pelo que fizeram ou não fizeram. Eles cumpriam muitas coisas, não por amor, mas por causa da lei. Eles realmente tinham corações maus. Eles estavam fazendo todas as coisas, trazendo sacrifícios para o templo, faziam o que a lei lhes ordenava que fizessem, mas Jesus estava expondo "o porquê e para quê". O que eles fizeram do lado de fora não combinava com o que deveria estar do lado de dentro, como amar a Deus com todo o coração.

Em ll Coríntios 9:3-13, nos diz como nós podemos colher abundantemente: Semeando Nele! Semeando em justiça. Semeando no Espírito. Semear abundantemente não é apenas semear dinheiro. Se você semear a justiça, colherá mais frutos da justiça. Se você semear corrupção, colherá mais frutos corruptos. Devemos julgar a nós mesmos para sabermos que tipo de semeador somos e quem os outros são.

Ele é a videira - nós somos o ramo. Semeie para aumentar o fruto da sua justiça. Seja rico em tudo! Em tudo! Em todo bom trabalho. Busque a justiça, e você terá todos os frutos da justiça. Se começarmos a viver em retidão, produziremos os frutos dela. Estaremos preocupados com a casa de Deus, estaremos preocupados com almas; estaremos preocupados com a justiça.

Daniel foi odiado, assim como Deus foi. E porque eles não puderam encontrar falhas nele, então eles mentiram sobre ele. Daniel foi julgado sem razão. Se você julgar seu irmão sem razão, Deus o julgará. Os frutos da injustiça serão sua colheita. O que eles não puderam fazer com Daniel, aconteceu com eles - com aqueles que o acusaram. E o mesmo aconteceu com os três meninos hebreus. Quando Jesus estava com eles, o fogo não os tocou - Sadraque, Mesaque e Abednego. Eles os odiavam por causa do Deus a quem serviam.

Filipenses 1:6 nos lembra que Deus não está lhe dizendo para realizar a boa obra que Ele começou. "Confiando nisso, que aquele que iniciou uma boa obra em você a completará até o dia de Cristo Jesus." Ele só quer que você permaneça Nele. Não se concentre nos seus frutos ou na sua justiça própria - Concentre-se nEle, na videira e, de repente, os frutos irão abundar a cada estação, ainda que Ele esteja podando os galhos.

As pessoas dizem: "Ei, eu tenho todos esses frutos". Deus responde: "Não é neles que estou interessado." Se você se concentrar na videira, você produzirá frutos reais, não falsos. Frutos provenientes da falsidade não são frutos reais. Seja cheio dos frutos da justiça. Não se concentre o tempo todo apenas nos nove frutos do Espírito, como os fariseus ou a igreja do falso amor. O que sai da sua boca é realmente o que está em você. Busque os frutos da justiça. No cristianismo moderno, nós começamos a misturar nossa autoajuda, nosso autopassos e obras da carne. Depender de si mesmo ainda é uma forma de lei. Mas a Palavra diz que não pela força, não pelo poder, mas pelo Seu Espírito.

Gálatas 5:22-23 menciona os frutos do Espírito. Mas lembre-se, os frutos do Espírito não são frutos produzidos por você ou vindos de sua personalidade. Muitos se justificam pelos frutos que têm esquecendo-se, nem isso é deles, mas do Espirito que há neles. Devemos permanecer nEle para ter frutos dentro de nós. Algumas pessoas são gentis, algumas pessoas já nascem mansos; mas eles estão em retidão? E se você estiver em uma estação de poda? Então irá parecer que você não tem frutos, porque você está em uma estação de poda. O inimigo virá durante a sua temporada de poda, onde não há frutos, e ele o julgará, mas não caia em condenação. Pois a estação dos abundantes frutos da justiça virá em breve. Deus espera que sejamos frutíferos, mas, para que isso aconteça, sempre haverá uma poda.

A salvação não garante a manifestação de Seus frutos - A permanência Nele sim. Muitos pensam que são salvos, mas não produzem frutos da justiça. Eles produzem frutos dessa ou daquela denominação, mas não o fruto de Cristo. Eles produzem os frutos do mundo e os frutos da iniquidade, apesar de fazerem muitas obras maravilhosas. Mesmo se profetizarem, isso não significará muito. Jesus quer frutos que permaneçam.

Quando a semente da justiça está em você, Cristo começa a se formar em você. A salvação é feita na cruz, mas, ao produzir os frutos de Cristo, mostraremos e provaremos que somos Seus seguidores. Minha fé nEle prova, pelos frutos que eu habito Nele. Quando você anda na carne, você não está habitando Nele. Os frutos da carne não significam que você é um cara mau, mas que se afastou da videira. Os frutos do Espírito somente serão manifestos se permanecermos nEle.

As pessoas julgam um dos frutos da justiça, que é a ousadia, como sendo orgulho. Não podemos ser ousados se continuarmos procurando os frutos. E se não os encontrarmos? Você vai perder sua ousadia? Se você perder sua ousadia, provavelmente você não irá se sentir justo Nele. Os justos são tão ousados quanto um leão. Isso vem do fato de conhecê-Lo, saber o que Ele fez por nós, saber que estamos Nele e que Ele está em nós. 

Deus sabe qual ramo podar para obter os frutos que Ele deseja. O fruto que Deus quer manifestar em sua vida é fruto do que Ele fez, e não daquilo que você faz. Lembre-se sempre de João 15. O que significa permanecer Nele? Significa permanecer em Sua Palavra, em Sua vontade e em Seu Espírito! Permanecer significa ser plantado em Cristo. Significa estar ao redor da Palavra certa, estar ao redor das pessoas certas e viver na videira, então os frutos abundantes serão produzidos, com certeza! A justiça é plantada dentro de você, e ela assumirá o controle de dentro pra fora, porque é uma boa semente, ela é o DNA de Deus, mas nós devemos permanecer nEle. Devemos estar desconectados do sistema da Babilônia e estar conectados à videira - o reino de Deus. Eu não sou o que cura, mas Aquele que cura está em mim! Se a Verdade está em mim, não é porque eu sei muito sobre ela, mas porque Ele está em mim. Ele é a verdade! Jesus revela seus frutos em nós! Outros saberão, e serão livres ou não através dela. Apenas se concentre em permanecer nEle. As pessoas estão procurando por algo que já poderia estar acontecendo se elas permanecessem nEle. Se você não tem os frutos Dele, ficará sempre procurando por eles. Mas se você se concentrar em Jesus, esses frutos permanecerão e sua alegria permanecerá. O Pai diz: "Permaneça em Mim e você terá tudo". Se você tentar amar fora Dele, seu amor esfriará, mas o amor de Deus é como um fogo ardente.

Deus quer que avancemos e que nós possamos produzir frutos. Os frutos Dele. Frutos que permanecem, contudo, devemos continuar permanecendo Nele. Se você tem os frutos da justiça, o mundo o odiará. Todos começaram a odiar Jesus por causa de Seus frutos. Ele estava cheio de frutos. Muitos odeiam uma pessoa justa porque eles são injustos. Aqueles que testemunham Dele são os que estão com Ele, são aqueles que Nele habitam desde o começo, porque a justiça dá testemunho da justiça. O mesmo acontece na criação de Deus. Você não vê patos deixando patos para sair por aí com guaxinins ou qualquer outro tipo de animal. Os patos caminham com outros patos em fazendas, ou até na natureza, pois isso é algo natural. Apenas a seleção dos tipos é automática. Então é isso que a justiça fará com os justos. Eles irão se reunir naturalmente.

Além disso, uma árvore que dá frutos só precisa ficar onde ela é plantada, no chão, e Deus envia a chuva - a água. Ele é o jardineiro. Nós apenas precisamos permanecer onde Ele nos colocou, e os frutos surgirão, sem esforço. Vá, e sente-se o dia todo em frente a uma laranjeira, você nunca verá a laranjeira lutando para produzir frutos, mas ainda assim, sem labor; ela produzirá grandes laranjas suculentas, naturalmente. A menos que haja algo errado com a árvore ou com o solo em que ela se encontra.

“Pai, oramos para que nós concentremos em habitar, em permanecer em você! Não queremos nos concentrar em nossos próprios frutos, mas nos concentrar no agricultor! Queremos frutos reais que permanecerão, que as pessoas possam comer frutos de nossos lábios, frutos de nossas obras, para que Você possa ser glorificado. Porque muitos não Te conhecem, muitos não sabem quem está habitando em Você. Nós somos justos. Vamos permanecer nesta justiça, para que os frutos do Espírito habite em nós todos os dias. Sejamos frutíferos e multipliquemos nossos frutos. Queremos produzir esses frutos e deixar que os frutos da justiça permaneçam para sempre. Pai, perdoe-nos por nos concentrarmos na falta de frutos. Em você, nós temos o nosso ser. Em você, temos os frutos que permanecerão, os frutos que Te glorificarão. 

Pai, ajude-nos a vê-Lo corretamente e a ver os outros como Você os vê, no poderoso nome de Jesus. Que nossa colheita seja abundante!

Por- Shane w Roessiger

Mensagem completa: https://youtu.be/D5fmKdT8JbM

Mensagem em Inglês: https://www.facebook.com/shane.roessiger/posts/10217600695468582 

Livros Grátis: https://www.hothouseoftruth.com/free-book-download/



 


Comments (0)


Add a Comment





Allowed tags: <b><i><br>Add a new comment: